Menu

Austrália recruta engenheiros brasileiros, saiba o passo a passo para migrar com sucesso

0 Comments





Saudações engenheiros e engenheiras do meu querido Brasil. Aqui quem vos fala é o Eng Felipe Jacob e hoje vamos falar um pouco sobre como migrar para a Austrália a trabalho.

É fato que as coisas não estão muito bem aqui na terra do samba: com essa crise política assolando o país, acabamos de passar por um processo de impeachment, temos um presidente envolvido em escândalos,  vemos a economia parar em meio às incertezas… Juros aumentando, e o setor de máquinas equipamentos fechando postos de trabalho a cada dia. A construção civil então, nem se fala, com tantas empreiteiras gigantes envolvidas em esquemas de corrupção, praticamente não existem grandes obras em andamento como houveram nos tempos das vacas gordas.

Em meio a todo esse cenário desastroso, as vagas para engenheiros reduziram drasticamente entre 2014 e 2017, e as empresas que ainda oferecem vagas  aproveitam para derrubar os salários tanto quanto puderem, aproveitando a situação do engenheiro desempregado que precisa pagar suas contas e acaba tendo que aceitar ofertas de empregos com salários péssimos. Além daquele velho costume de colocar engenheiros trabalhando em atividades de engenharia, mas registrados como “Analistas”, “Assistentes”, “Auxiliares”, para escapar da obrigação de pagar os 9 salários mínimos que o profissional tem direito.

Pois é… mas a Austrália, um país muito próspero do outro lado do globo recruta milhares de engenheiros estrangeiros por ano, e as taxas de desemprego para engenheiros por lá são inferiores a 1%.

E acredite, o país cresce tanto que faltam engenheiros para acompanhar a demanda por infraestrutura e tecnologia, por isso o Institute of Engineers Australia faz milhares de certificações de estrangeiros por ano.

veja abaixo o passo a passo para migrar para a Austrália e trabalhar como engenheiro por lá:

Passo 1: Obter o visto para trabalhadores qualificados (Skilled Migration Program)

Em primeiro lugar, você deve obter um visto específico para trabalhadores qualificados, e a Austrália possui um programa do governo destinado a ajudar os imigrantes a obter esse visto.



Para obter esse visto você precisa:

  • Apresentar uma manifestação de Interesse (Expression of Interest): é um formulário on line onde você pode manifestar oficialmente seu interesse em trabalhar na Austrália pelo Skilled Migration Program. O site oficial para obter mais informações sobre o EOI é este link
  • Apresentar um pedido de migração de trabalhador qualificado:
  • Caso seja aprovado no item acima, pode ser necessário apresentar um pedido de visto Australiano, com provas de fluência em inglês e avaliações de competências 

O site da Embaixada Australiana tem informações detalhadas para quem deseja obter esses e outros vistos na Austrália.

Passo 2: Entrar com um requerimento no Engineers Australia:

Institute of Engineers Australia é o órgão responsável por cuidar do processo de certificação do profissional no país. Através dele você vai passar por testes e provas para verificar se possui as habilidades necessárias para atuar no país. Também será esse órgão o responsável por enquadrar em qual categoria de engenharia você pode atuar na Austrália.

Para entrar com o processo é preciso seguir um rigoroso passo a passo disponível nesse manual oficial

Este processo pode durar alguns meses, se você decidir fazer tudo sozinho, mas existe um atalho: Você pode utilizar o serviço Fast Track Migration Do institute of Engineers Australia. Com esse serviço pago você pode obter assessoria de um consultor para reduzir o tempo de migração.

Passo 3: Encontrar um emprego

Depois de conseguir o visto e a acreditação do seu diploma pelo Engineers Australia, agora vocè precisa encontrar um emprego.

Mas ainda não é tão simples, pois muitos empregadores exigem experiência local. Mas como obter experiência local se ninguém contrata profissionais sem experiência local?

A verdade é que as vagas de emprego são tantas e o país cresce tanto que alguns empregadores acabam contratando profissionais mesmo sem experiência local, e se você pensa que vão pagar menores salário por isso está enganado. Com a demanda alta e a oferta que nunca consegue suprir, os salários se mantém em uma média muito generosa para os padrões brasileiros.

O site mais eficiente para encontrar empregos na Australia é o www.seek.com.au

Esse site reúne centenas de milhares de vagas na Austrália e é o mais popular entre candidatos e empregadores no país.

Você também pode recorrer a uma das centenas de agências de empregos especializadas em imigrantes que existem por lá. Além é claro do bom e velho método “bater na porta” dos donos das empresas.




Quanto ganha um engenheiro na Austrália?

Os rendimentos médios para engenheiros na Austrália são de AUD 75.000 a AUD 95.000 por ano (Em média de R$15.625,00 mensais a R$19.791 mensais depois de feitas as correções cambiais).

O custo de vida na Austrália não é baixo, pois é um dos países onde se pagam mais impostos no mundo, mas com essa cotação a favor, é bastante viável viver humildemente na Australia e guardar algum dinheiro para se aposentar com conforto aqui no Brasil.

Enfim, trabalhar na Austrália é uma grande oportunidade de mudar completamente de vida e sair dessa turbulência que o Brasil está vivendo no momento. Faço votos de que as coisas melhorem por aqui nos próximos anos, mas da forma como estão indo os fatos, só nos resta esperar e rezar para que nosso país um dia se retome o crescimento que teve em outras épocas.

Grande abraço e até a próxima postagem

 

 

Tags:, , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *